Em um ano, venda de produtos de moda e beleza usados cresceu 47,8% na OLX

Revender peças de roupa, sapatos, acessórios e itens de beleza não é novidade, mas está cada vez mais em voga. Apenas no primeiro semestre deste ano, a venda de itens de moda e beleza pelo site OLX cresceu 47,8% em comparação ao mesmo período do ano passado.

A categoria Moda e Beleza foi a quarta colocada no ranking das que mais venderam nos seis primeiros meses de 2017 pela plataforma, atrás apenas de Eletrônicos e Celulares, Para a Sua Casa e Veículos e Barcos. Foram mais de um milhão de itens de moda e beleza vendidos, movimentando mais de R$ 100 milhões em compra e venda pela plataforma – 26% acima do primeiro semestre de 2016. Na popular vitrine online, marcas como Chanel, Prada e Dolce & Gabbana por valores muito abaixo do preço das lojas.

Diariamente são feitos cerca de meio milhão de anúncios e são finalizadas cerca de 2 milhões de vendas ao mês – cerca de 50 por minuto. Com todos estes números, não é de se impressionar com o fato de que o OLX é uma das empresas de tecnologia que mais crescem no Brasil.

Fruto de parceria entre os dois maiores grupos de mídia e investimento em marketplaces do mundo, o sul-africano Naspers e o grupo norueguês Schibsted, a plataforma chegou no Brasil em 2010 e hoje conta com bases em São Paulo e no Rio, e emprega cerca de 500 funcionários. Neste ano, a empresa lançou o Storia Imóveis, plataforma focada no público profissional, com imóveis de médio e alto padrão.

Compartilhe: