Assim que se faz: Tiffany anuncia novo diretor executivo e tem alta imediata em suas ações

As ações da Tiffany subiram 1.8% nesta quinta-feira, pouco após a joalheria anunciar Alessandro Bogliolo como seu novo diretor executivo. Bogliolo, 52 anos, vem da Diesel, onde atuou como CEO desde 2013. O universo das joias também é familiar para ele, já que passou 16 anos de sua carreira como diretor de operações e vice-presidente executivo de joias, relógios e acessórios da Bulgari. O executivo é esperado para assumir seu novo cargo no dia 2 de outubro e, segundo a Tiffany, deve se juntar também ao conselho de administração da marca.

A atmosfera de loja Tiffany & Co

Há 5 meses a joalheria americana tem sido dirigida por seu presidente interino Michael J. Kowalski, que assumiu temporariamente o papel após a expulsão do então CEO Frederic Cumenal, que permaneceu no cargo por dois anos.

Nesta nova etapa, caberá a Bogliolo liderar um novo capítulo da Tiffany, que anunciou em janeiro deste ano Reed Krakoff como sua nova diretora criativa, substituindo a designer Francesca Amfitheatrof. As primeiras joias criadas por Reed para a marca serão lançadas em 2018. A meta da nova dupla? Conquistar uma nova geração de clientes.

 

Compartilhe: