Sem temas ou inspiração pontual, Alex Kazuo apresenta seu minimalismo que vai do casual ao chic

“Eu diria que minha moda é moderna. Desenvolvo peças exclusivas feitas sob medida para cada cliente e para todos os gêneros. Sempre imagino peças que vão do casual chic até trajes de gala. Minhas roupas são especiais, eu faço peças que podem levar mais de um mês para ficarem prontas, pois é tudo costurado manualmente, então normalmente atendo pessoas que valorizam esse tipo de trabalho”, disse Alex Kazuo em entrevista pro site da Casa de Criadores, semanas antes de levar pra passarela no MAC-USP sua coleção que marca o retorno ao evento.

Essa coleção, assim como as demais, não possuem tema ou inspiração pontual. A principal característica é a versatilidade de peças que vão do casual chic até trajes de festa, mas que também podem ser casuais. Além disso, o Japão e um ar minimalista continuam presentes. “A novidade é que, apesar do preto ainda ser predominante, ele mostrou que também trabalha com outras cores: branco, azul, vermelho e marrom claro. Os tecidos são algodão, seda, linho, viscose e alguns sintéticos. Além dos artigos que utilizo em parceria com o Eco Simple, a Sun Special e a Vicunha, eu também utilizo tecidos de descarte. As bolsas foram criadas pela Rivetto Bags, usando resíduos de couro”. Confira o resultado!

Ficha técnica
Direção: Alex Kazuo
Styling: Giovana Refatti
Beleza: Leila Turgante
Trilha Sonora: Soledad Yaya
Apoio: Eco Simple, Sun Special e Vicunha Textil

Compartilhe: